Pular para o conteúdo

Westbrook comemora recorde de triplos-duplos: “Algo que nunca sonhei”

    — Foto: Scott Cunningham/NBAE via Getty Images

    História foi feita na NBA na segunda-feira. Russell Westbrook conseguiu o triplo-duplo de número 182 de sua carreira, que o colocou no topo do ranking dos jogadores com mais partidas atingindo a marca. Em entrevista após a partida, o armador refletiu sobre o feito e mostrou gratidão.

    – É simplesmente uma benção. Você coloca tanto no jogo, apenas ser mencionado com caras como Oscar Robertson, Magic Johnson, Jason Kidd… É algo que nunca sonhei. Normalmente não gosto de me elogiar, mas hoje farei. Estou muito grato por todos que vieram antes de mim – disse Westbrook após a partida.

    Russell Westbrook igualou o recorde de Oscar Robertson no último sábado na vitória suada contra o Indiana Pacers. Com mais um triplo-duplo nesta terça-feira, dessa vez na derrota apertada sem Bradley Beal contra o Atlanta Hawks, “Brodie” assumiu o topo isolado dessa lista. O top 10 ficou assim:

    1. Russell Westbrook: 182
    2. Oscar Robertson: 181
    3. Magic Johnson: 138
    4. Jason Kidd: 107
    5. LeBron James: 99
    6. Wilt Chamberlain: 78
    7. Larry Bird: 59
    8. James Harden: 58
    9. Nikola Jokic: 43
    10. Fat Lever: 43

    Oscar Robertson, grande armador que jogou pelo Cincinnati Royals e Milwaukee Bucks, conseguiu o seu último triplo-duplo em 24 de março de 1974. Gênios do esporte como Magic Johnson, Larry Bird e Michael Jordan, para citar alguns, passaram pela NBA depois disso e nem chegaram perto do recorde.

    Os críticos de Russell Westbrook acusam o armador de perseguir estatísticas em detrimento do resto do time. Os números, no entanto, pintam um quadro diferente. Em seus 182 triplo-duplos, a equipe de Westbrook venceu 136 e perdeu 46, um aproveitamento de 74,7% – superior ao do Utah Jazz esse ano, que tem a melhor campanha na NBA.

    Com o recorde estabelecido, Russell Westbrook e o Washington Wizards precisam manter o pé no acelerador para garantir a vaga pela menos na repescagem aos playoffs. Uma vez lá, Washington será um adversário complicado para qualquer equipe, principalmente se Bradley Beal estiver recuperado da lesão na coxa que o fez desfalcar os Wizards nesta terça-feira.

    Bradley Beal e Bazemore trocam farpas 

    Uma treta agitou a noite da segunda-feira na NBA. Bradley Beal não gostou de comentários de Kent Bazemore e atacou o jogador do Golden State Warriors nas redes sociais. Em entrevista após a vitória sobre o Utah Jazz, Bazemore rebateu as acusações do astro do Washington Wizards.

    A troca de farpas começou quando Bazemore fez um comentário sobre o desempenho incrível do amigo e companheiro de equipe Stephen Curry no sábado. Ele cutucou Beal, que teve um estiramento na coxa no mesmo dia e está atrás apenas de Curry em média de pontos na temporada (31,9 x 31,4 pontos por jogo).

    – Quarenta e nove pontos em 29 minutos, isso é irreal. Temos caras machucando a coxa para acompanhar. Vocês têm que fazer alguma pesquisa sobre isso – disse Bazemore, rindo.

    Beal anotou 50 pontos no jogo de sábado dos Wizards, mas saiu lesionado no fim. Por isso, ele ficou fora da derrota contra o Atlanta Hawks na segunda-feira e vai perder também o jogo de quarta, também contra os Hawks. O ala foi às redes sociais na noite de segunda para atacar Bazemore.

    – Você não me conhece nem sabe de m**** nenhuma sobre mim. Você não sabe por que eu vou lá e jogo, e com certeza não é pela aprovação de outro homem. Você é muito ruim! Mas não me surpreende vindo de você, isso é o que seu tipo faz! É engraçado você dizer isso porque o seu homem (Curry) comprovadamente checou meus números antes do jogo, mas estou perseguindo!!! Cala a boca! – postou Beal, que encerrou sua série de posts com um gif de um palhaço endereçado a Bazemore.

    Em entrevista depois da vitória dos Warriros sobre o Jazz, Bazemore rebateu e afirmou que não havia malícia em seu primeiro comentário.

    – Acho que você não pode mais brincar. Não digo coisas para levantar poeira, mas… se você quer saber qual é a minha lealdade, é para com Curry. Qualquer um aí que persegui-lo, vai ser difícil.

    LEIA MAIS