Home Fórmula 1 GP de Abu Dhabi: Max Verstappen vence de ponta a ponta; Pietro...

GP de Abu Dhabi: Max Verstappen vence de ponta a ponta; Pietro Fittipaldi é 19º

O holandês Max Verstappen venceu de ponta a ponta o GP de Abu Dhabi, última corrida da temporada 2020 da Fórmula 1. Sem ser ameaçado, o piloto da RBR terminou com 15s976 de vantagem sobre o segundo colocado Valtteri Bottas, que garantiu o vice-campeonato. Depois de ficar uma corrida fora por ter sido contaminado por coronavírus, Lewis Hamilton voltou à F1 com um terceiro lugar.

O quarto colocado foi Alexander Albon, da RBR, com Lando Norris e Carlos Sainz Jr., da McLaren, em quinto e sexto. Daniel Ricciardo, da Renault, ficou em sétimo, à frente de Pierre Gasly, da AlphaTauri, enquanto Esteban Ocon, da Renault, passou Lance Stroll na última volta para ficar em nono.

Com o décimo lugar do canadense rendendo apenas um ponto, a Racing Point perdeu o terceiro lugar no Mundial de Construtores para a McLaren. No entanto, Sainz, ainda pode ser punido por uma irregularidade ao ter entrado lento demais para o pit stop.

Em sua segunda corrida pela Haas, o brasileiro Pietro Fittipaldi largou em 17º e completou a prova em 19º. Fittipaldi chegou a passar na pista o companheiro Kevin Magnussen, mas fez um pit stop a mais (três contra dois) e terminou atrás do dinamarquês.

O PÓDIO

VERSTAPPEN: “Ontem já foi muito bom e hoje, claro. Fizemos uma boa largada e a partir daí, claro que se cuida dos pneus, mas o carro estava com um bom equilíbrio. Foi muito divertido lá fora hoje. Fizemos tudo bem. Depois de largar na frente, você pode controlar a corrida um pouco mais e isso torna sua vida mais fácil.”

BOTTAS: “A RBR foi muito rápida hoje. Achamos que nosso ritmo de corrida seria idêntico. Eu estava tentando tudo que podia, mas não conseguia acompanhar (Max). Eu sinto que foi uma corrida sólida para mim hoje”

HAMILTON: “Considerando as últimas semanas que tive, no geral estou feliz com a forma como o fim de semana foi, talvez não tão bom quanto talvez o que gostaríamos, mas parabéns a Max.”

Vettel se despede e canta para a Ferrari

Sebastian Vettel teve o cuidado de compor a letra de uma música, em italiano, carregá-la escrita em um papel consigo durante a corrida e cantá-la via rádio para a equipe após cruzar a linha de chegada em um melancólico 14º lugar.

A canção foi escolhida a dedo: “Azzurro”, famosa na voz de Adriano Celentano, é uma música dos anos 1960 que acabou virando quase um segundo hino italiano e é muito usada em comemorações esportivas. Na versão de Vettel, ele diz que ter gostado de estar com a “equipe vermelha apaixonada”, e que “sentir a energia do time foi uma sensação extraordinária.” Agradeceu a todos os funcionários e desejou que “sejam felizes e estejam com saúde.”.

O alemão explicou por que decidiu encerrar sua carreira na Scuderia dessa forma. “Toda vez que eu tinha um bom momento com a Ferrari, por algum motivo, começava a cantar. Então achei que seria uma boa maneira: cantar pela última vez. E a música que escolhi é muito popular. Mudei a letra, então tomara que não tenha problemas com os direitos autorais!”, brincou. “Achei que era uma boa maneira de agradecer à equipe.”

A corrida de despedida depois de seis temporadas, 55 pódios, 14 vitórias e 12 poles positions foi um desenho da temporada, com Vettel largando fora do top 10, e terminando sem pontuar mesmo com uma estratégia diferente. O tetracampeão irá para a Aston Martin no ano que vem.

- Advertisment -

Popular

Mayra Sheetara reclama da decisão do árbitro apesar de admitir erro

Mineira aponta que punição não foi dada na mesma situação do que em outras lutas do evento A busca de Mayra "Sheetara" Bueno por sua...

Mogi Futsal anuncia que não terá time adulto neste ano

O time disputará torneios no sub-20 devido a redução do orçamento da equipe para 2021 A diretoria do Mogi Futsal definiu nesta segunda-feira (1), que...

Renato critica VAR após derrota para o Palmeiras e diz que sua equipe “deu mole”

Treinador reclamou de toque de mão antes do gol do Palmeiras e do pênalti não marcado em Pepê no jogo de ida da final...

Arthur Cabral passa Neymar e é brasileiro com mais gols na temporada

Atacante do Basel marca em derrota para o St. Gallen e chega aos 14 gols. Ele supera o atacante do PSG, Rodrigo Pinho, do...