Home Futebol Com retornos, Tite divulga convocados para jogos contra Venezuela e Uruguai

Com retornos, Tite divulga convocados para jogos contra Venezuela e Uruguai

Treinador voltou a chamar Vinícius Jr., do Real Madrid, além de Arthur e Militão

O técnico Tite divulgou, na manhã desta sexta-feira (23), a convocação da seleção brasileira para os dois últimos jogos de 2020. E a lista teve como principais “novidades” o retorno de três atletas já chamados pelo técnico anteriormente: o zagueiro Militão, o meia Arthur e o atacante Vinícius Junior. Eles farão parte do grupo que enfrentará a Venezuela, dia 13 de novembro, no Morumbi, e o Uruguai, no dia 17, no Centenário, em Montevidéu, pelas Eliminatórias da Copa do Mundo de 2022.

A lista da seleção principal

Goleiros: Alisson (Liverpool), Ederson (Manchester City) e Weverton (Palmeiras);

Laterais: Danilo (Juventus), Gabriel Menino (Palmeiras), Alex Telles (Manchester United) e Renan Lodi (Atlético de Madrid);

Zagueiros: Éder Militão (Real Madrid), Marquinhos (PSG), Rodrigo Caio (Flamengo) e Thiago Silva (Chelsea);

Meio-campistas: Casemiro (Real Madrid), Douglas Luiz (Aston Villa), Arthur (Juventus), Everton Ribeiro (Flamengo), Fabinho (Liverpool) e Philippe Coutinho (Barcelona);

Atacantes: Everton Cebolinha (Benfica), Roberto Firmino (Liverpool), Gabriel Jesus (Manchester City), Neymar (PSG), Richarlison (Everton) e Vini Junior (Real Madrid).

Os únicos times brasileiros que tiveram jogadores convocados foram Flamengo e Palmeiras, que serão desfalcados na 21ª rodada do Brasileirão e, possivelmente, em uma partida de ida das quartas de final da Copa do Brasil – os duelos de volta estão previstos para o dia 18, um depois da partida contra o Uruguai.

Entrevista do Tite

Gabriel Menino ou Daniel Alves?

Umas das primeiras perguntas foi sobre a preferencia do técnico por Gabriel Menino e não Daniel Alves. Tite afirmou que tem total respeito pelo agora meia do São Paulo. Porém, vê Eder Militão, Danilo e Gabriel Menino como boas opções para a Seleção.

“Respeito é muito grande (pelo Daniel). As pessoas sabem da relação de respeito. Há competição em alto nível. Faz escolhas, abrindo sempre busca e acompanhamento, da melhor performance. A escolha foi do momento, pelo Gabriel Menino. Militão tem esse contexto de retomada (física), sempre em alto nível estamos acompanhando os atletas”, disse Tite.

Capitão e melhor jogador da Copa América do ano passado, Daniel Alves segue fora da convocação de Tite na seleção brasileira. Lesionado na lista passada, o jogador do São Paulo novamente foi substituído por Gabriel Menino, volante jovem do Palmeiras, por Tite.

Retorno de Artur

Uma das principais (e únicas) novidades foi o retorno de Arthur, agora volante da Juventus. Porém, a escolha do treinador teve repercussão negativa entre os torcedores pela ausência de Bruno Guimarães.

“Eu levo muito em consideração o momento do atleta, o histórico dele na seleção e projeção futura dele. O Arthur tem 24 anos e fez uma grande Copa América. Ele foi da seleção do campeonato. Essa capacidade que ele tem de se readaptar, se reajustar e crescer, porque ele é um jovem, é importante para nós”, justificou Tite, ao ser questionado.

Preocupação em desfalcar os times brasileiros

Ao ser questionado sobre a cautela em desfalcar equipes brasileiras nessa maratona de jogos, o técnico da seleção brasileira foi direto em sua resposta:

– Absolutamente não. Em outros momentos sim, reconheci e coloquei pra vocês. Quando era amistoso, momento preparatório. Hoje absolutamente não. É o que a Seleção precisa para o mundial e nós já começamos o mundial.

Thiago Galhardo e Marinho

Por fim, Tite ainda comentou sobre a ausência de Tiago Galhardo e Marinho, afirmando que os destaques do Brasileirão estão no radar da seleção.

“Nosso radar contempla muitos atletas do Brasileirão nessas funções ofensivas, tem muitos atletas se destacando, na Europa e no Brasil. Bruno Henrique, Marinho, Pedro que voltou ao Flamengo, mas dando espaço ao Vinícius, uma nova situação do Rodrygo, essa integração com a base. Nossas opções são muitas, acabam sobrando, a gente tem que lidar. Esses atletas têm se destacado e estão no nosso radar sim”, explicou Tite.

Leia Mais

- Advertisment -

Popular

No Fluminense, Martinelli vai para 1ª Libertadores com Europa de olho

Titular absoluto com apenas 19 anos, volante recebe sondagens de clubes da Inglaterra antes do torneio de maior vitrine Em cinco meses, tudo pode mudar....

Anderson Silva reconhece favoritismo de Julio Cesar Chávez Jr. em confronto do dia 19 de junho

Spider exalta oponente, mas vê chance de conseguir nocaute Depois de deixar o Ultimate, Anderson Silva assinou contrato para enfrentar Julio Cesar Chávez Jr. em...

Miami bate Lakers e vence a quinta em seis jogos

Time da Califórnia não é páreo para Butler e Oladipo, que deixa a quadra com lesão no joelho Jogando em casa, o Miami Heat completou...

F1 2021: salário de Hamilton encolhe R$ 57 mi, mas ainda é o maior

Receita do atual campeão cai de R$ 225 milhões, em 2020, para R$ 168 milhões no novo contrato; Vettel também tem redução drástica com...