Home Mais Esportes Rafael Cordeiro destaca treino com Mike Tyson como um dos momentos mais...

Rafael Cordeiro destaca treino com Mike Tyson como um dos momentos mais importantes de sua carreira

Treinador demonstrou fé no retorno de Werdum, porém foi surpreendido com a derrota do brasileiro

Rafael Cordeiro, eleito duas vezes melhor treinador de MMA do mundo é líder do grupo Kings MMA e já teve sob seu domínio nomes como Wanderlei Silva e Maurício Shogun e atualmente treina Fabrício Werdum. O treinador não teve hesito em apontar a parceria com “Iron Mike” como um dos momentos mais significativos de sua trajetória no esporte após treiná-lo.

“Fui campeão brasileiro de muay thai, campeão do IVC, duas vezes coach do ano, e igualo esses treinos que estou dando ao Tyson com a mesma alegria que todos essas premiações que ganhei na minha carreira. Com certeza este é o ápice da minha carreira, quando tive a oportunidade de fazer manopla e treinamento para o maior de todos os tempos”, falou Rafael Cordeiro ao canal Combate, em entrevista por telefone.

Com o vídeo do treino que viralizou na internet, Cordeiro e o ex-lutador se conheceram nas filmagens do filme “Kickboxer: Retaliation”, filme de Jean-Claude Van Damme cujo Tyson e Werdum atuaram como atores. Na época, o treinador estava trabalhando com Mike há três semanas.

“A mentalidade dele na hora do treino, é uma coisa que ele se transforma. Ele é muito focado. Na hora de aquecer, ele bota o sonzinho dele no ouvido, meia hora na bicicleta, e quando vai para o treino ele vai soltando as bombas desde o primeiro até o último soco. Ele estuda cada movimento que faz. É um cara muito detalhista. A cada combinação que a gente passa, ele para no meio para saber se a postura dele de corpo, de braço está boa, se ele está jogando bem o ombro, se está achando a distância… Mais do que estar dando o treino, estou tendo uma grande aula de humildade”, falou Cordeiro, que confessou ter balançado com as pancadas, embora tenha usado proteção pesada.

Veja também: Mike Tyson estará de volta aos ringues em novembro

“Aquele colete segura muito bem o soco, mas eu te digo: você fica dolorido alguns dias ainda. A gente está na terceira semana de treino, e eu estou puxando escolinha para todo mundo, para o Werdum, para o Guiga, agora para o Tyson… Com certeza vou me aposentar muito cedo, mais cedo do que eu imaginava (risos). E mais feliz! Com dor no corpo, mas de alma lavada”, revelou Cordeiro.

Na época, Fabrício Werdum estava escalado para duelar no UFC 249 e foi o primeiro evento da companhia desde o começo da pandemia do novo Coronavírus, por isso Cordeiro deu uma pausa nos treinos com Tyson. Werdum estava afastado há dois anos pela Agência Antidoping dos EUA. O treinador estava feliz com o retorno de seu companheiro e também por voltar à atividade.

“É uma grande luta para o Werdum voltar. O Werdum está mostrando uma vontade muito grande de voltar ao octógono, ele pediu muito, brigou muito tempo com a USADA por este momento, para voltar à atividade. Passado todo esse drama dos dois anos, ele se empenhou muito nos treinos, foi para a montanha nessa parte da epidemia, essa loucura que teve, se isolou na montanha. Nós fizemos muitos treinos online, mas também fiz questão de estar com ele e ir para lá”, relatou o treinador.

Werdum por fim, perdeu o duelo para o ucraniano Oleksiy Oliynyk.

Fonte: Globo Esporte

- Advertisment -

Popular

Suns vencem e adiam classificação dos Blazers aos playoffs

Devin Booker acerta dois lances livres no final e da vitória aos locais sobre o Portland por 118 a 117 Com um final de arrepiar,...

Jardine convoca Claudinho, Pedro e Gerson para a seleção olímpica

Atletas do Flamengo e atleta do Bragantino são novidades na lista de convocados para a próxima Data Fifa O treinador André Jardine anunciou nesta sexta-feira...

Corinthians fracassa ao apostar no Paulistão como único caminho viável

Timão usa equipe B contra Peñarol e cai na Sul-Americana Muita gente lamentou quando o Corinthians ficou fora da zona de classificação da Libertadores via Brasileirão-2020. Mas...

NBA: volta de Harden e estreia de Didi agitam a rodada

Noite de quarta-feira também tem homenagem a Varejão e suor dos Lakers sem LeBron e Davis Depois de mais um mês fora das quadras, James...