Home Futebol Título da Copa do Brasil faz Palmeiras somar mais de R$ 200...

Título da Copa do Brasil faz Palmeiras somar mais de R$ 200 milhões em premiações em 2020

O título da Copa do Brasil permitiu que o Palmeiras fechasse 2020 com três conquistas expressivas e um caixa reforçado. Em premiações, o Verdão soma cerca de R$ 227 milhões pelo seu desempenho nas competições oficiais da temporada.

Na Copa do Brasil, a CBF paga R$ 54 milhões ao campeão do torneio. Os palmeirenses já haviam recebido R$ 10,3 milhões pelas pelas classificações para as quartas de final e semifinal, além de R$ 2,6 milhões pela participação nas oitavas.

No Paulistão, o Palmeiras recebeu R$ 5 milhões da FPF por ter vencido o Corinthians na decisão, em agosto do ano passado. Na Libertadores, a bolada total paga pela Conmebol foi de US$ 22,5 milhões (cerca de R$ 122 milhões na cotação do dia da final contra o Santos, em janeiro).

Mesmo sem brilho na parte esportiva, o Mundial de Clubes da Fifa rendeu ao Verdão mais R$ 10,75 milhões. A sétima colocação no Brasileirão deu mais R$ 23,1 milhões.

Além das premiações oficiais, o Palmeiras recebeu mais R$ 22 milhões com bônus de desempenho previstos no contrato de patrocínio com a Crefisa: foram R$ 4 milhões pelo Paulistão, R$ 12 milhões pela Libertadores e agora R$ 6 milhões pela Copa do Brasil.

Todos os valores terão descontos por causa de impostos. A diretoria do Palmeiras já contabilizou parte dessas premiações no balanço do ano passado. O desempenho financeiro do clube em 2020 foi fechado com um déficit de 151 milhões, e a previsão para 2021 é de que a temporada ainda será de dificuldades por causa da crise provocada pela pandemia do coronavírus.

Abel vê Palmeiras como “alvo” após títulos e não vai dirigir o time em parte do Paulistão

Os títulos do Paulistão, da Libertadores e da Copa do Brasil 2020 transformam o Palmeiras no novo alvo do futebol brasileiro. Essa é a opinião do técnico Abel Ferreira após a vitória por 2 a 0 sobre o Grêmio, neste domingo, no Allianz Parque.

Na entrevista coletiva após a conquista, o treinador exigiu uma evolução do time para 2021 e revelou que irá a Portugal para ver a família e não comandará a equipe em algumas partidas do Paulistão. Ele estará de folga a partir desta segunda-feira e só voltará ao clube no dia 19 de março, antes do clássico contra o São Paulo.

– Se ficarmos iguais, vamos parar. Para mim, o grande segredo do sucesso é no momento que ganha perceber o que tem de melhorar e continuar a investir para continuar a crescer. Não é esperar que as coisas corram mal para trocar. A partir de agora passamos a ser um alvo. Todo mundo vai querer ganhar. Os adversários vão se sentir motivados para derrotar os campeões. Temos de estar preparados mentalmente.

Desde novembro no Brasil, Abel Ferreira revelou que agora chegou o momento de descansar, o que vai tirá-lo do banco de reservas em três partidas do Paulistão. O treinador viajará a Portugal nos próximos dias para ver a família. O elenco do Palmeiras também receberá folga.

– Vamos todos ter (folga). É justo. Mas vamos continuar competitivos. Vamos dividir todo mundo do CT. Fizemos uma planificação muito bem feita. Vamos nos revezar. Todos temos que ter calma com o Paulista e baixar um pouco a expectativa. Mas vamos ver o que os rapazes são capazes de fazer em contexto de dificuldade e oportunidade. Se vão continuar com essa ambição e coragem de se desafiarem e crescer a cada dia. O Paulista está aí para isso.

LEIA MAIS

- Advertisment -

Popular

Conheça a origem do futsal

O futsal, também conhecido como futebol de salão, é uma modalidade de esporte que se adaptou do futebol de campo para as quadras. O...

O que é atletismo e suas modalidades?

O que é atletismo? Em tempos de Olimpíadas, o atletismo entra em pauta de jornais, programas de TV e no entretenimento da população. Mas, afinal,...

Saiba quem é o 4 de Julho, rival do São Paulo na Copa do Brasil

Clube piauiense recebe o Tricolor do Morumbi nesta terça, às 21h30. Com folha de R$ 140 mil/mês, time soma quase R$ 3 milhões de...

Carlo Ancelotti é o escolhido para ser o novo técnico do Real Madrid

Com contrato com o Everton, da Inglaterra, até 2024, técnico italiano assume a liderança da fila de mais cotados para substituir Zidane Jornais da Espanha,...