Home Mais Esportes Mike Tyson provoca Roy Jones Jr. antes de luta de retorno

Mike Tyson provoca Roy Jones Jr. antes de luta de retorno

Lutador tuitou dica ao rival de sábado: “É melhor estar pronto”

O duelo entre Mike Tyson e Roy Jones Jr. entra em contagem regressiva. A luta que acontecerá no próximo sábado (28), não será apenas uma simples exibição. A lenda Mike provocou Jones Jr. em uma postagem na sua página no Twitter, três dias antes do tão aguardado confronto entre os americanos.

“Os números não mentem. Os odiosos estão furiosos por não conseguirem números como estes. Sábado é o acerto de contas. É melhor você estar pronto” postou Tyson.

O canal Combate exibirá a luta ao vivo no sábado no retorno de Mike Tyson aos ringues, em Los Angeles, nos Estados Unidos. Os assinantes vão assistir o duelo contra o americano Roy Jones Jr., que terá oito rounds. A transmissão do espetáculo de Los Angeles, que possui seis lutas previstas, iniciará às 21h30. A TV Globo também vai transmitir a luta na madrugada de sábado para domingo após a programação de sempre.

Na postagem, Mike aponta uma matéria que indica o recorde de vendas de pay-per-views antecipados do confronto deste sábado. Mas, ainda que tire vantagem em relação aos números, não foi divulgado nenhum dado oficial pela organização até o momento.

Veja também: Conmebol adia jogo entre Inter e Boca Juniors pela Libertadores

Seu adversário Roy Jones Jr., logo respondeu Tyson declarando que está preparado para o duelo e que sair com a vitória é um grande desejo.

“Cara, isso é o que eu faço. Eu só perdi [lutas anteriores] porque não estava interessado. Esta aqui está na lista de desejos. Acho que não estou pronto, quando estou. Vejo você no sábado”, respondeu o rival de Tyson.

Os dois passaram os últimos meses expondo vídeos dos treinamentos e trocando farpas, ainda assim, o duelo pode ser perigoso. Roy Jones está com 51 anos e Tyson com 54, parado há 15 anos.

O doutor em treinamento esportivo, Irineu Loturco, declarou que um soco de um boxeador peso-pesado, por exemplo, pode alcançar a cabeça do adversário com um impacto equivalente a 450 quilos. Informado dos riscos, Roy Jones Jr. até pensou na possibilidade de morrer durante o confronto.

Fora dos ringues, Tyson coleciona polêmicas e já foi preso por estupro

O jovem problemático se transformou em um mito do boxe. Com somente 20 anos, Mike Tyson foi considerado o mais jovem campeão mundial dos pesos-pesados e formou um cartel extraordinário ao longo de sua trajetória.

Foram 58 lutas, 50 triunfos e 44 delas por nocaute. Mas a carreira do boxeador também foi grifada por muitas confusões, crimes e polêmicas. Em 1992, foi condenado a seis anos de prisão por violentar sexualmente a miss Desiree Washington. Cumpriu apenas metade da pena estabelecida e foi liberado em março de 1995 em função de seu bom comportamento.

Após ser solto, Tyson voltou a vencer nos ringues. Pouco depois, em 1997, foi protagonista de um dos acontecimentos mais agressivos da história do boxe ao morder a orelha de Holyfield durante um duelo, sendo banido e desclassificado por um ano das competições.

Na vida fora dos ringues, Mike Tyson voltou a ter problemas com a polícia por acusações de agressões e porte de drogas. Uma dessas ocorrências aconteceu no Brasil, em 2005, quando golpeou um cinegrafista e foi detido. Neste mesmo anos, após ser derrotado duas vezes, se aposentou do boxe.

- Advertisment -

Popular

No Fluminense, Martinelli vai para 1ª Libertadores com Europa de olho

Titular absoluto com apenas 19 anos, volante recebe sondagens de clubes da Inglaterra antes do torneio de maior vitrine Em cinco meses, tudo pode mudar....

Anderson Silva reconhece favoritismo de Julio Cesar Chávez Jr. em confronto do dia 19 de junho

Spider exalta oponente, mas vê chance de conseguir nocaute Depois de deixar o Ultimate, Anderson Silva assinou contrato para enfrentar Julio Cesar Chávez Jr. em...

Miami bate Lakers e vence a quinta em seis jogos

Time da Califórnia não é páreo para Butler e Oladipo, que deixa a quadra com lesão no joelho Jogando em casa, o Miami Heat completou...

F1 2021: salário de Hamilton encolhe R$ 57 mi, mas ainda é o maior

Receita do atual campeão cai de R$ 225 milhões, em 2020, para R$ 168 milhões no novo contrato; Vettel também tem redução drástica com...