Home Futebol “Novo” Mateus Vital é a melhor notícia do Corinthians

“Novo” Mateus Vital é a melhor notícia do Corinthians

Timão vence o Salgueiro e chega a sete jogos de invencibilidade

Ao longo dos dois últimos anos, Mateus Vital balançou as redes cinco vezes pelo Corinthians, mesmo número que ele alcançou em menos de três meses neste ano. Com gols, mas não apenas isso, o meia é a melhor notícia neste início de temporada do Timão, que segue sem empolgar o torcedor, apesar dos bons resultados.

Melhor em campo na vitória por 3 a 0 sobre o Salgueiro-PE, na primeira fase da Copa do Brasil, Mateus Vital dá mostras de que pode ser o atleta que o Corinthians esperava em 2018, quando o contratou do Vasco, e também aquela peça que a equipe alvinegra tanto carece há tempos: um ponta que cria, dribla e também tem capacidade para chegar à área e finalizar.

Dos últimos oito gols da equipe o camisa 22 participou de seis – fez três, deu assistência para dois e sofreu pênalti de outro.

Diante do Salgueiro, Vital foi beneficiado pelo retorno de Fábio Santos, que foi mais ao ataque do que Bruno Méndez, zagueiro que jogou improvisado na lateral esquerda nas últimas partidas. Antes de escorar a bola para Ramiro marcar e de anotar um belo gol nos minutos finais, o meia já vinha sendo uma importante válvula de escape do time.

Se o início de temporada de Mateus Vital é empolgante, o mesmo não se pode dizer do Timão como um todo. Apesar de ter alcançado a terceira vitória seguida e a sétima partida de invencibilidade, o Corinthians segue tendo atuações apenas regulares e fazendo jogos difíceis de assistir.

Mesmo contra um rival de Série D, o time de Vagner Mancini optou por baixar as linhas de marcação depois de abrir o placar logo no começo e terminou o primeiro tempo com menos posse de bola e finalizações do que o rival.

É verdade que o gramado ruim do estádio Cornélio de Barros era um importante empecilho para a prática do bom futebol, mas mesmo assim o Corinthians poderia produzir mais.

O campo pesado fez Mancini levar a campo uma equipe mais competitiva do que o treinador. Ramiro para correr, para brigar pela primeira bola e fazer o pivô e Otero para levantar bolas na área em cobranças de falta e escanteio.

Parte da estratégia até deu certo. Os cruzamentos de Otero eram perigosos e foi em um deles que o Corinthians abriu o placar. No entanto, o venezuelano errou muitos passes, perdeu a posse em lances bobos e tirou a fluidez do meio de campo.

Como habitual, o treinador corintiano não mexeu no intervalo, mas o time voltou mais organizado para o segundo tempo e passou a sofrer menos sustos.

Apesar da limitação dos rivais recentes, é de se destacar os números da defesa corintiana, que mais uma vez passou ilesa, algo que aconteceu em cinco dos últimos sete compromissos.

Os resultados estão vindo, mas ainda precisam ser acompanhados por um desempenho melhor. Sem ter tido uma pré-temporada, Vagner Mancini pode encontrar nessa pausa forçada do Campeonato Paulista um tempo precioso para fazer ajustes necessários no Timão, que ainda tem várias dúvidas, mas uma nova certeza: é Mateus Vital é mais dez.

LEIA MAIS

Morre Gilmar Fubá, ex-volante campeão mundial com o Corinthians

- Advertisment -

Popular

Conheça a origem do futsal

O futsal, também conhecido como futebol de salão, é uma modalidade de esporte que se adaptou do futebol de campo para as quadras. O...

O que é atletismo e suas modalidades?

O que é atletismo? Em tempos de Olimpíadas, o atletismo entra em pauta de jornais, programas de TV e no entretenimento da população. Mas, afinal,...

Saiba quem é o 4 de Julho, rival do São Paulo na Copa do Brasil

Clube piauiense recebe o Tricolor do Morumbi nesta terça, às 21h30. Com folha de R$ 140 mil/mês, time soma quase R$ 3 milhões de...

Carlo Ancelotti é o escolhido para ser o novo técnico do Real Madrid

Com contrato com o Everton, da Inglaterra, até 2024, técnico italiano assume a liderança da fila de mais cotados para substituir Zidane Jornais da Espanha,...