Pular para o conteúdo

LaMelo Ball fratura punho direito e pode perder restante da temporada

LaMelo Ball na partida contra o LA Clippers, no sábado — Foto: Adam Pantozzi/NBAE via Getty Images

Jovem astro do Charlotte Hornets se lesionou durante partida contra o Los Angeles Clippers, no sábado

O astro do Charlotte Hornets LaMelo Ball sofreu uma fratura no punho direito e está fora dos jogos da equipe por tempo indeterminado. O jogador, que foi o terceiro escolhido no último Draft da NBA, passou por uma ressonância magnética neste domingo, em San Antonio, que detectou uma lesão em um osso da região.

Segundo o jornalista Adrian Wojnarowski, da ESPN norte-americana, é provável que ele perca o restante da temporada. Porém, LaMelo e os Hornets ainda buscarão opiniões de outros especialistas sobre uma reabilitação e retorno ainda nesta edição da liga.

O jogador se lesionou na partida de sábado contra o Los Angeles Clippers, na qual os Hornets foram derrotados por 125 a 98.
Ball passou por exames mais detalhados neste domingo, que confirmaram a lesão. Dificilmente, ele terá condições de retornar na fase regular e será substituído por Devonte’ Graham no quinteto titular de agora até o fim da atual campanha. A equipe informou que vai procurar uma segunda opinião para determinar o prazo de retorno às quadras.

Agora, ele corre riscos de perder o prêmio de melhor novato para Anthony Edwards, do Minnesota Timberwolves. Edwards, primeira escolha do draft de 2020, vem se destacando nas últimas partidas e anotou 42 pontos na vitória de sua equipe diante do Phoenix Suns, na semana passada.

LaMelo foi eleito o melhor novato do mês em janeiro e fevereiro. Irmão mais novo de Lonzo Ball (New Orleans Pelicans), ele tem média de 15,9 pontos, 5,9 rebotes, 6,1 assistências e 1,59 roubos de bola por jogo nas 41 partidas que disputou. O Hornets ocupa atualmente a oitava posição na classificação da conferência Leste, com 20 vitórias e 21 derrotas.

Paul George pagará multa milionária por críticas públicas à arbitragem da NBA

As críticas de Paul George à arbitragem que comandou o duelo entre Los Angeles Clippers e Dallas Mavericks na última quarta-feira terão um preço. Vice-Presidente Executivo de Operações de Basquete, Kiki VanDeWeghe informou nesta sexta que o atleta terá que pagar multa superior a R$ 190 mil, valor correspondente a 35 mil dólares, por sua “má conduta.

Em entrevista após o jogo, que terminou com vitória dos Mavericks por 105 a 89 no American Airlines Center, o atleta demonstrou publicamente sua insatisfação com o trabalho dos juízes, insinuando que os mesmos são mentirosos.

– O time atacou bastante o aro. É uma loucura não marcarem algumas faltas. Mas isso não é nada novo para mim. A liga tem de dar uma olhada nisso. É apenas um monte de mentiras (as justificativas para não marcação das infrações). Não dá para ir muito além. É um monte de mentiras – disse Paul George na ocasião.

Essa, aliás, não será a primeira vez que Paul George pagará multa por reclamar da arbitragem. Em 2015, quando defendia o Indiana Pacers, o atacante também arcou com multa correspondente a R$ 39 mil. Na ocasião, a equipe que ele defendia também foi derrotada, pelo Toronto Raptors.

 

LEIA MAIS:

NBA vai flexibilizar protocolos anti-Covid para jogadores e profissionais 100% vacinados

Marcações: