Pular para o conteúdo

Giannis renova com os Bucks pelo maior salário da história da NBA

Foto: @NBA

Foram muitos capítulos de uma novela demorada, mas que chegou ao fim nesta terça-feira. Duas vezes MVP da NBA, Giannis Antetokounmpo acertou a extensão super máxima de contrato com o Milwaukee Bucks. Ele ficará na franquia por mais cinco anos e com um acordo de US$ 228,2 milhões, segundo o especialista Shams Charania, do The Athletic. Este valor salarial, que chega a R$ 1 bilhão e 160 milhões, é o maior da história da NBA.

O jornalista Adrian Wojnarowski, da ESPN americana, contou em seu perfil nas redes sociais que o contrato prevê uma opção de rescisão após quatro temporadas. Considerando o contrato atual, que terminaria ao fim de 2020-2021, são seis anos com US$ 256 milhões (R$ 1 bilhão e 300 milhões) garantidos para o astro grego.

O novo vínculo, que possui os máximos parâmetros a que Antetokounmpo era elegível, começará a vigorar no meio de 2021. Nesta temporada, o astro vai receber US$27,5 milhões em salários, relativos ao último ano garantido de seu atual contrato.

– É o lugar que eu quero estar. É o lugar onde quero criar meus filhos. Eu me sinto bem aqui. Minha família se sente bem aqui, então estou bem – afirmou Antetokounmpo, um dia depois de assinar os papéis.

De acordo com a publicação, na offseason de 2025, Giannis terá a opção de abrir mão do último ano de contrato para testar o mercado. Ele se tornou apenas o sexto jogador da NBA a assinar uma extensão contratual pelo valor supermáximo. Os outros são Stephen Curry, Damian Lillard, James Harden, Russell Westbrook e John Wall.

– Sou um homem de palavra. Isso é grande. Isso é grande. Estar em uma equipe que confiou em mim, acreditou em mim, cuidou de mim, cuidou da minha família. Sempre quero retribuir e tenho tentado retribuir desde o primeiro dia, desde que estou aqui. Eu tenho mais para dar – disse o jogador, que defende a franquia desde 2013.

Antetokounmpo utilizou a sua conta pessoal no Twitter para anunciar a renovação com o Bucks. Ele disse que Milwaukee é “a sua casa, a sua cidade” e que se sente “abençoado por fazer parte do Bucks pelos próximos cinco anos”.

Décima quinta escolha do Draft de 2013, o filho de imigrantes nigerianos chegou à NBA como um total desconhecido e tido como uma aposta muito arriscada feita pelo Bucks.

Em sete temporadas pelo time de Milwaukee, o astro de 26 anos já disputou 528 partidas e angariou médias de 20,1 pontos, 8,9 rebotes e 4,3 assistências. Na última temporada, quando foi eleito melhor defensor e MVP pela segunda vez, Antetokounmpo teve médias de 29,5 pontos, 13,6 rebotes e 5,6 assistências.

O Milwaukee Bucks só foi campeão uma vez, em 1971. No entanto, Antetokounmpo está confiante de que pode ajudar os Bucks a quebrar esse jejum. A franquia vem registrando bons números: na última temporada, quase chegou à final, mas foi eliminada pelo Miami Heat e detém o melhor recorde da temporada regular da NBA em cada um dos últimos dois anos.

– Ser capaz de retribuir a esta cidade e a esta organização significa muito. Ficarei em êxtase se pudermos trazer um campeonato para Milwaukee. Eu serei provavelmente a pessoa mais feliz de todas – concluiu Giannis.

Valores da extensão contratual de Giannis Antetokounmpo

2021/22: US$39,3 milhões
2022/23: US$42,5 milhões
2023/24: US$45,6 milhões
2024/25: US$48,8 milhões
2025/26: US$51,9 milhões

LEIA MAIS

Depois de polêmicas, Harden é criticado por voltar às quadras acima do peso