Home Mais Esportes Roger Federer vence Daniel Evans após 13 meses afastado

Roger Federer vence Daniel Evans após 13 meses afastado

Suíço supera britânico em Doha

Roger Federer está de volta às quadras. Depois de pouco mais de 13 meses afastado do tênis para se recuperar de uma lesão no joelho direito, o suíço retornou ao Circuito Mundial com vitória no ATP 250 de Doha. Nesta quarta-feira (10), o número 6 do mundo venceu um duelo de 2h24min com o britânico Daniel Evans, 28º do ranking – parciais de 7/6 (8), 3/6 e 7/5.

“Muito bom estar de volta. Estou feliz por estar aqui, mesmo se perdesse, mas claro que vencendo é ainda melhor. Joguei muito bem. Estou muito feliz com meu desempenho. Tem sido uma longa e difícil trajetória para mim. Não é algo simples voltar a jogar na minha idade, mas valeu a pena, porque joguei muito bem hoje”, disse o tenista de 39 anos.

Houve quem duvidasse do retorno do suíço, afinal o tenista de 39 anos passou por duas cirurgias no joelho direito, uma em fevereiro e outra em junho, ambas no ano passado. Federer, por outro lado, nunca cogitou parar. Nada de aposentadoria. Não sente mais dores e mostrou que é questão de tempo para recuperar o ritmo de jogo.

No 4º confronto com Evans, foi a primeira vez que Federer cedeu um set. Evans fez um duelo duro e resistiu à pressão do suíço. O britânico só tomou uma quebra no último game do jogo.

O ATP 250 de Doha é apenas o primeiro passo de Federer. Maior campeão de Grand Slam da história empatado com o espanhol Rafael Nadal, o suíço mira o 21º título da carreira em um dos quatro grandes torneios do tênis. O grande objetivo é estar pronto para o Grand Slam de Wimbledon, no final de julho deste ano, em Londres. A grama inglesa é um território confortável para Federer, que já levou o troféu para casa oito vezes, sendo disparado o maior vencedor de Wimbledon.

Mesmo parado, Federer se manteve no top 10 do mundo graças ao congelamento do ranking devido a pandemia da Covid-19. Cabeça de chave número 2 em Doha, o suíço agora enfrenta nas quartas de final Nikoloz Basilashvili, da Geórgia.

O jogo

Federer tratou de mostrar logo que está com o físico em dia. O suíço disparou um arsenal de belíssimas bolas vencedoras e sacou muito bem. Evans não deixou barato. O britânico não deu nenhuma chance para o número 6 do mundo e até teve um break point no nono game. Mas o equilíbrio deu o tom do primeiro set, que foi ao tie-break. Os dois tenistas tiveram o ponto do set. Federer ainda cometeu falhas não forçadas por falta de ritmo, mas fechou a parcial em uma linda bola vencedora: 7/6 (8).

Federer teve chance de quebra no primeiro game, mas foi Evans quem conseguiu a primeira quebra do duelo. Ele venceu o quarto game no serviço do suíço e conseguiu manter seu saque apesar da pressão do número 6 do mundo até fechar o segundo set em 6/3.

O equilíbrio voltou a ditar o ritmo do jogo no terceiro set. Federer conseguiu salvar dois break points no sétimo game e cresceu. Teve seu primeiro match point no 10º game, mas Evans conseguiu se salvar. No 12º game, porém, não teve jeito. Federer abriu 15/40 e teve um duplo match point. Já na primeira oportunidade selou a vitória: 7/5.

LEIA MAIS

Veja os recordes que Djokovic bateu e quais marcas ainda podem ser batidas

- Advertisment -

Popular

Jogos Campeonato Costa Rica primeira divisão

Último jogo do campeonato foi entre ADR Jicaral e Sporting San Jose O último jogo do Campeonato da Costa Rica primeira divisão aconteceu no dia...

Tudo sobre o ex-jogador Emerson Sheik

Foto: Divulgação Wikipédia. Conheça a carreira do ex-jogador catarinense de futebol Emerson Sheik Marcio Passos de Albuquerque, conhecido como Emerson Sheik, nasceu em Nova Iguaçu no...

Flamengo: maior time do Brasil

Foto: Divulgação/Flamengo. Liderando o rankings dos maiores times brasileiros está o Flamengo O maior time do Brasil é o Flamengo, o time possui 60 títulos incluindo...

Conheça as 10 maiores torcidas do Brasil

O Brasil é o país do futebol, certo? Por isso, aqui você também encontra as maiores torcidas O futebol é o esporte mais praticado e...