Home Futebol Após assalto, Di María agradece apoio da torcida do PSG e afirma:...

Após assalto, Di María agradece apoio da torcida do PSG e afirma: “Somos felizes aqui”

O atacante Ángel Di María usou as redes sociais para se manifestar pela primeira vez depois do assalto à sua casa, no último domingo, quando bandidos fizeram sua família de refém por algumas horas. O argentino agradeceu ao apoio dos torcedores do PSG e fez questão de indicar que se sente feliz no clube.

– Muito obrigado pelo apoio contínuo. Minha família e eu somos muito felizes aqui e nada vai apagar nosso sorriso. VAMOS PARIS ❤️ – escreveu.

Di María postou uma foto ao lado da esposa, Jorgelina, e das filhas, Mía e Pía, que estavam em casa e foram feitas de refém durante a ação dos bandidos. O jogador também registrou a homenagem feita pela torcida organizada Virage Auteuil, uma das principais do PSG, que exibiu uma faixa de apoio a ele e ao zagueiro Marquinhos durante o confronto contra o Lille, na última quarta-feira, com os dizeres “Marqui, Ángel, toda a Virage está com você”.

O trauma vivido pela família de Di María ocorreu enquanto ele estava em campo para enfrentar o Nantes, no domingo. No começo do segundo tempo, o argentino foi substituído às pressas pelo técnico Mauricio Pochettino, que foi chamado pelo diretor esportivo Leonardo para uma conversa à beira das tribunas do Parque dos Príncipes. O brasileiro havia recebido uma ligação informando do assalto à casa do jogador e repassou a informação – e Pochettino acompanhou Di María, que deixou o campo chorando.

Durante o duelo do último domingo, que o PSG perdeu de virada por 2 a 1, a casa dos pais do zagueiro Marquinhos também foi vítima da invasão de bandidos. Estes casos aumentaram a lista de jogadores do time que tiveram suas casas alvo de assaltos nos últimos anos – a polícia indica que uma quadrilha especializada neste tipo de crime atua na região metropolitana de Paris. A imprensa francesa aponta que o clube pagará seguranças para ficarem de plantão nas residências dos atletas nos próximos meses.

PSG reforçará segurança de jogadores após assaltos às famílias de Marquinhos e Di María

O drama causado com os assaltos às famílias de Marquinhos e Di María, no último domingo, levará o PSG a reforçar a segurança dos jogadores. O jornal “L’Équipe” afirma que o clube financiará a presença de seguranças nas casas dos atletas do elenco durante um período específico, tentando evitar possíveis ataques de quadrilhas especializadas em roubos a residências de luxo na região da capital francesa.

O jornal frisa que as residências dos atletas costumam ser equipadas com sistemas de vigilância com câmeras e alarmes, mas que, neste momento, se vê como necessária a presença de reforço humano, com guardas de plantão por 24 horas nas casas. O custo com os seguranças será arcado pelo próprio clube por um determinado período, visando oferecer maior tranquilidade aos jogadores.

LEIA MAIS

- Advertisment -

Popular

Conheça a origem do futsal

O futsal, também conhecido como futebol de salão, é uma modalidade de esporte que se adaptou do futebol de campo para as quadras. O...

O que é atletismo e suas modalidades?

O que é atletismo? Em tempos de Olimpíadas, o atletismo entra em pauta de jornais, programas de TV e no entretenimento da população. Mas, afinal,...

Saiba quem é o 4 de Julho, rival do São Paulo na Copa do Brasil

Clube piauiense recebe o Tricolor do Morumbi nesta terça, às 21h30. Com folha de R$ 140 mil/mês, time soma quase R$ 3 milhões de...

Carlo Ancelotti é o escolhido para ser o novo técnico do Real Madrid

Com contrato com o Everton, da Inglaterra, até 2024, técnico italiano assume a liderança da fila de mais cotados para substituir Zidane Jornais da Espanha,...