Home Mais Esportes Daniil Medvedev supera o austríaco Dominic Thiem e conquista o ATP Finals

Daniil Medvedev supera o austríaco Dominic Thiem e conquista o ATP Finals

Tenista venceu os três melhores do mundo para levar o título

Daniil Medvedev, atual número 4 do mundo, encerrou a temporada 2020 com o título do ATP Finals no último domingo (22), em Londres. Foi a primeira grande vitória do tenista que superou na decisão o austríaco Dominic Thiem, terceiro colocado do ranking. O russo comemorou a conquista de virada que considerou o melhor jogo de sua trajetória.

“Hoje foi provavelmente o melhor jogo da minha vida. Não é nem em termos de título, mas em termos de jogo mesmo. É muito difícil vencer o Dominic quando ele está jogando assim. Acho que ele gosta do jeito que eu jogo, então foi muito difícil mentalmente. Eu sou simplesmente o cara mais feliz do mundo neste momento”, falou Medvedev.

Apesar de declarar estar muito contente com a vitória do ATP Finals, Medvedev não celebrou o título em quadra. Após o ponto final do duelo, apenas cumprimentou Thiem. O tenista esclareceu a festa discreta.

“É o meu lance. Em tênis sou provavelmente o primeiro a não comemorar, mas no futebol já vi jogadores que não celebram o gol. Eu decidi durante o US Open (de 2019) quando tive problemas com a torcida. Eu não celebro minhas vitórias. É o meu lance, e gosto disso” disse o russo.

Veja também: Unión Santa Fe é derrotado pelo Bahia e está em desvantagem na Sul-Americana

No ano passado, em Nova York, Medvedev foi vaiado pelos torcedores americano pela má postura no primeiro duelo. O contato com a torcida melhorou conforme avançou até o final do Grand Slam. O vice diante de Rafael Nadal no US Open era até o fim de semana seu maior número na carreira.

O ATP Finals foi a nona conquista de Medvedev no Circuito Mundial de ATP. E o triunfo ocorreu de forma invicta. O tenista superou na fase de grupos o sérvio Novak Djokovic, líder do ranking. Na semi, venceu Nadal que é o vice-líder do ranking. E na decisão derrotou Thiem de virada, o número 3 do mundo.

“É incrível vencer o top 3 aqui. São os melhores jogadores do mundo. Isso significa muito e mostra do que sou capaz quando estou jogando bem, e quando estou me sentindo bem mentalmente, fisicamente. Sei do que sou capaz”, falou o russo.

Entusiasmado com a conquista no ATP Finals, Medvedev planeja planos ousados para a temporada do ano que vem.

“Quero ganhar o máximo de títulos possível. Se eu jogar 20 torneios, quero vencer todos os 20. Acho que ninguém jamais fez isso na história do tênis. Meu segundo desejo seria permanecer saudável o ano todo, sem lesões e ou problemas de saúde. E meu terceiro e último desejo seria ter um saque igual ao do Ivo Karlovic”, declarou o russo.

Na história do evento, nunca alguém havia derrotado os números 1, 2 e 3 do mundo. E se ninguém superou a marca em 51 anos, essa raridade toda tem uma razão. O russo sabe fazer de tudo em quadra. Possui um excelente saque, forehand e backhand poderosos (que ele utiliza com certa frugalidade beneficiando sempre a consistência), e ótimo toque para curtinhas e idas à rede.

- Advertisment -

Popular

Jogos Campeonato Costa Rica primeira divisão

Último jogo do campeonato foi entre ADR Jicaral e Sporting San Jose O último jogo do Campeonato da Costa Rica primeira divisão aconteceu no dia...

Tudo sobre o ex-jogador Emerson Sheik

Foto: Divulgação Wikipédia. Conheça a carreira do ex-jogador catarinense de futebol Emerson Sheik Marcio Passos de Albuquerque, conhecido como Emerson Sheik, nasceu em Nova Iguaçu no...

Flamengo: maior time do Brasil

Foto: Divulgação/Flamengo. Liderando o rankings dos maiores times brasileiros está o Flamengo O maior time do Brasil é o Flamengo, o time possui 60 títulos incluindo...

Conheça as 10 maiores torcidas do Brasil

O Brasil é o país do futebol, certo? Por isso, aqui você também encontra as maiores torcidas O futebol é o esporte mais praticado e...