Home Futebol Roni volta a treinar, e Corinthians não tem mais jogadores afastados por...

Roni volta a treinar, e Corinthians não tem mais jogadores afastados por Covid

O volante Roni voltou a treinar com o elenco do Corinthians na manhã desta segunda-feira e, com isso, o clube não tem mais jogadores afastados por conta da Covid-19.

No início do mês, o Corinthians foi atingido por um surto de coronavírus, que afastou 16 jogadores profissionais e mais 11 membros da comissão técnica e da diretoria alvinegra.

Com a paralisação do Campeonato Paulista, o técnico Vagner Mancini pretende aproveitar a semana livre para recondicionar fisicamente os atletas e fazer ajustes táticos no time.

Nesta segunda, de acordo com informações divulgadas pelo Corinthians, Mancini organizou um coletivo no CT Joaquim Grava. A imprensa segue sem poder frequentar o local por conta das medidas de distanciamento social.

Depois, Mancini comandou um trabalho de passes e finalizações.

A atividade desta manhã também marcou o primeiro treino coletivo de Gustavo Silva e Léo Natel, atacantes que estavam em tratamento de lesões e foram desfalques nas últimas partidas.

O Timão volta a treinar nesta terça-feira pela manhã. O próximo compromisso no Campeonato Paulista é contra o Mirassol, com data e horário ainda a definir.

O Corinthians inscreveu nesta segunda-feira o lateral-esquerdo Fábio Santos na Lista A do Campeonato Paulista. Os jogador fica à disposição do técnico Vagner Mancini para as próximas rodadas do Campeonato Paulista.

Com desgaste muscular, o jogador não participou das primeiras rodadas do estadual. Lucas Piton foi o titular da equipe nos empates contra Bragantino e Palmeiras. Depois de testar positivo para a Covid-19, foi substituído pelo zagueiro Bruno Méndez nas vitórias contra Ponte Preta e São Caetano.

Sub-20 do Corinthians suspende treinos presenciais

O Corinthians suspendeu temporariamente os treinamentos presenciais da categoria sub-20. Eliminada na primeira fase da Copa do Brasil, a equipe só voltará a campo em maio, quando começa o Campeonato Brasileiro.

Desde o início do mês, as categorias sub-17 e sub-23 já tinham suspendido os treinos para evitar a propagação do novo coronavírus.

Os jovens estão realizando exercícios em casa, sob supervisão de profissionais do clube.

O time de juniores do Corinthians vive um momento de indefinição em seu comando. Após a saída do técnico Dyego Coelho, no fim de janeiro, o sub-20 passou a ser comandado interinamente por Márcio Bittencourt. O nome dele desagrada a parte da direção alvinegra, que é favorável à contratação de um novo treinador.

O principal fiador de Márcio Bittencourt no cargo é Jacinto Antonio Ribeiro, conselheiro vitalício conhecido como Jaça, que exerce forte influência no departamento.

Uma alternativa estudada pela direção alvinegra é a manutenção de Márcio Bittencourt na base, mas ocupando outro cargo.

Os principais responsáveis pelo departamento viajaram no último domingo para o Oriente Médio, onde vão buscar parcerias e oferecerão jogadores.

Com a promoção de diversos atletas ao time profissional e outros que foram ao sub-23 por terem atingido a idade máxima da categoria, o sub-20 alvinegro passa por uma reformulação. Alguns garotos que estavam na equipe sub-17 foram integrados ao elenco de juniores e dois reforços foram contratados: o atacante Anderson Chaves, do Vila Nova, e o volante Vitor, do Globo-RN.

LEIA MAIS

- Advertisment -

Popular

No Fluminense, Martinelli vai para 1ª Libertadores com Europa de olho

Titular absoluto com apenas 19 anos, volante recebe sondagens de clubes da Inglaterra antes do torneio de maior vitrine Em cinco meses, tudo pode mudar....

Anderson Silva reconhece favoritismo de Julio Cesar Chávez Jr. em confronto do dia 19 de junho

Spider exalta oponente, mas vê chance de conseguir nocaute Depois de deixar o Ultimate, Anderson Silva assinou contrato para enfrentar Julio Cesar Chávez Jr. em...

Miami bate Lakers e vence a quinta em seis jogos

Time da Califórnia não é páreo para Butler e Oladipo, que deixa a quadra com lesão no joelho Jogando em casa, o Miami Heat completou...

F1 2021: salário de Hamilton encolhe R$ 57 mi, mas ainda é o maior

Receita do atual campeão cai de R$ 225 milhões, em 2020, para R$ 168 milhões no novo contrato; Vettel também tem redução drástica com...