Home Basquete Tudo da Convocação da Seleção Brasileira de Basquete

Tudo da Convocação da Seleção Brasileira de Basquete

Conheça os jogadores escolhidos por Conti para as Eliminatórias e a Copa América

O técnico Gustavo Conti anunciou a convocação da seleção brasileira de basquete masculino para os jogos de agosto e setembro. Os atletas atuarão de 25 a 29 de agosto, pelas Eliminatórias da Copa do Mundo de Basquete 2023 e de 2 a 11 de setembro pela Copa América.

Convocação da seleção brasileira com base europeia

Com as recusas de alguns jogadores da NBA, a convocação da seleção brasileira de basquete teve como base as principais ligas da Europa.

Dos 16 convocados, oito atuam no velho continente. São quatro da liga espanhola, duas da Alemanha, além de um do Campeonato Israelense e um do romeno.

É exatamente de lá que vem alguns dos nomes mais experientes, como Rafael Luz, Marcelinho Huertas, Vitor Benite, além do retorno de Scott Machado.

Flamengo e Franca dominam base caseira

Finalistas do último NBB, Franca e Flamengo são os times brasileiros que cederam atletas para as competições. Do time paulista vão Georginho, Reynan, Lucas Dias e Lucas Mariano. Já da equipe carioca vai Gabriel Jaú, Rafael Mineiro e Rafael Hettsheimeir.

A convocação da seleção brasileira ainda conta com um jogador da NBA, Didi Louzada.

Desfalques da convocação da seleção brasileira

Infelizmente, mais uma vez a convocação da seleção brasileira sofreu com os pedidos de dispensas. Desta vez foi Raulzinho, Bruno Caboclo e Gui Santos solicitaram a liberação. O motivo é a possibilidade dos três serem confirmados na temporada na NBA e por isso não querem arriscar se lesionar neste período de pré-temporada da liga norte-americana.

Desses, o mais experiente é Raulzinho, que fez boa temporada pelo Washington Wizards e recentemente assinou contrato com o Cleveland Cavaliers.

Já Bruno Caboclo negocia o retorno para a NBA após ter se destacado na Summer League e agora negocia com o Boston Celtics.

Por fim, Gui Santos foi selecionado no Draft pelo Golden State Warriors, mas ainda aguarda para saber se será aproveitado na franquia ou não.

Gustavo de Conti

A convocação foi feita por Gustavo de Conti, que acumula o trabalho no Flamengo com a seleção brasileira, pois é técnico dos dois.

O treinador foi contratado em setembro do ano passado, exatamente com a função de preparar a equipe para a disputa das eliminatórias e também garantir a classificação para os Jogos Olímpicos 2024. Até aqui ele conquistou com a seleção brasileira cinco vitórias e sofreu uma derrota.

Preparação

Os atletas convocados se apresentam para o período de treinamentos que ocorre em Pinheiros. Depois viajam para Porto Rico, quando enfrentam a equipe da casa no dia 25. Quatro dias depois volta para o Brasil, para receber o México, em Jaraguá do Sul, em Santa Catarina.

Saiba mais: As diferenças entre o basquete FIBA e NBA: Fundamentos, quadra e história

Como funcionam as Eliminatórias Americanas de Basquete

As Eliminatórias Americanas para a Copa do Mundo de Basquete contam com 16 seleções que disputam sete vagas no Mundial. Estão na lista: Argentina, Bahamas, Brasil, Canadá, Chile, Colômbia, Cuba, República Dominicana, México, Panamá, Paraguai, Porto Rico, Uruguai, Ilhas Virgens, Estados Unidos, Venezuela.

Na 1ª fase as equipes foram divididas em quatro grupos com quatro seleções, no qual todos se enfrentavam em ida e volta.

Os três melhores times de cada chave avançavam para a 2ª fase e eram distribuídas em dois grupos de seis. Neste momento, as equipes enfrentam apenas os três adversários que estavam em outra chave, também em sistema de ida e volta. Com o detalhe de que a pontuação da fase anterior é mantida.

As três melhores campanhas de cada grupo e o 4º colocado com mais pontos garantem vaga na Copa do Mundo.

Brasil rumo a Copa do Mundo

A seleção convocada tem a missão de deixar o Brasil mais próximo da classificação. Isso porque o time ocupa a liderança do Grupo F, com cinco vitórias e uma derrota. Caso vença Porto Rico e México, os brasileiros podem precisar de apenas mais um triunfo nos quatro jogos restantes para carimbarem a vaga no Mundial.

Neste momento, além do Brasil, somente os Estados Unidos também aparecem com cinco vitórias. Na sequência tem Uruguai e os próprios mexicanos, com quatro triunfos. Porto Rico, com três vitórias e Colômbia, com duas, fecham o grupo.

Os resultados nesta janela de jogos são importantes, porque dos quatro compromissos restantes dois serão contra os norte-americanos.

Copa América

A convocação da seleção brasileira de basquete também é válida para a disputa da Copa América, que acontece em Recife, entre os dias 2 e 11 de setembro.

O Brasil está no Grupo A, com Uruguai, Colômbia e Canadá. No Grupo B tem Ilhas Virgens, República Dominicana, Argentina e Porto Rico. Já o Grupo C conta com México, Venezuela, Panamá e Estados Unidos.

Na Copa América, os dois primeiros colocados de cada chave e dos dois melhores terceiros avançam para a disputa das quartas de final.

A competição tem os Estados Unidos, como maiores vencedores, com sete conquistas, inclusive uma na última edição, realizada em 2017.

Já o Brasil vem mais atrás, com quatro títulos, sendo o mais recente em 2009. Porto Rico, com três, Argentina, com dois, e Venezuela e México, com um cada, completam a lista de vencedores.

Na última edição os brasileiros decepcionaram e foram eliminados ainda na 1ª fase. A seleção estreou vencendo da Colômbia, mas em seguida perderam para México e Porto Rico. Com isso ficou apenas na 3ª posição do Grupo A.

Os convocados

Confira a lista completa da convocação da seleção brasileira de basquete masculino para as disputas das Eliminatórias americanas da Copa do Mundo 2023 e também para a Copa América 2022.

Armadores

Yago Mateus (Ratio Ulm – Alemanha)

Rafael Luz (Andorra – Espanha)

Marcelinho Huertas (Tenerife – Espanha)

Scott Machado (Hapoel Eilat – Israel)

Alas-armadores

Georginho (Sesi/Franca)

Vitor Benite (Gran Canaria – Espanha)

Alas

Didi Louzada (Portland Trail Blazers – EUA)

Leo Meindl (Urban Transylvania – Romênia)

Reynan (Sesi/Franca)

Alas-pivôs

Gabriel Jaú (Flamengo)

Lucas Dias (Sesi/Franca)

Rafael Mineiro (Flamengo)

Pivôs

Lucas Mariano (Sesi-Franca)

Rafael Hettsheimeir (Flamengo)

Augusto Lima (Unicaja – Espanha)

Cristiano Felício (Ratiopharm Ulm – Alemanha)

Veja também: Confira os 5 principais fundamentos do basquetebol

Popular

Quem fundou os jogos olímpicos da era moderna?

Conheça a história de Pierre de Coubertin A Olimpíada é um dos eventos mais assistidos do Mundo e mobiliza milhões de pessoas por centenas de...

Saiba qual a história e regras do Raquetebol

Saiba tudo da prática de Raquetebol no Mundo São muitos esportes praticados pelo Mundo e alguns os nomes não são tão famosos, mas são conhecidos....

Quais são as principais ameaças de Glover Teixeira no light heavyweight?

Foto: Unsplash Um dos brasileiros que vêm se destacando no Ultimate Fighting Championship atualmente, Glover Teixeira é o atual detentor do cinturão da categoria light...

Tudo sobre a história do vôlei no Brasil

Vôlei, ou voleibol como também é conhecido chegou no Brasil em 1915 O vôlei chegou ao Brasil no ano de 1915, mas não se sabe...

Veja a lista de campeões mundiais de surf masculino e feminino

Brasileiro Gabriel Medina está entre os campeões mundiais de surf  Um dos campeões mundiais de surf é o brasileiro, Gabriel Medina, que conquistou o título...

Qual a origem do futebol americano e como funciona?

Futebol americano é um esporte muito popular e super prática nos Estados Unidos Além do soccer, ou seja, o futebol tradicional brasileiro, o futebol americano...

6 melhores lutadoras de MMA de todos os tempos

Descubra agora quais são as melhores lutadoras de MMA de sempre Artes Marciais Mistas, ou como é mais conhecida, o MMA, é um esporte híbrido...

Marketing esportivo e o comportamento dos consumidores

Redes sociais possuem um papel cada vez maior no consumidor esportivo Que o avanço tecnológico mudou o mundo, nós já sabemos. Mas nem tudo nessas...