Home Futebol Com apoio da FIFA, gigantes europeus iniciam projeto para substituir a Champions

Com apoio da FIFA, gigantes europeus iniciam projeto para substituir a Champions

Mais de 12 clubes das cinco principais ligas do continente planejam começar o torneio em 2022 no lugar da atual Liga dos Campeões

Com apoio da FIFA, 12 gigantes do futebol mundial lançaram nesta semana um projeto para substituir a atual Champions League. Liderado por Manchester United e Liverpool e com apoio financeiro do banco Wall Street JP Morgan — que entrou com um pacote de financiamento de US$ 6 bilhões (R$ 33,5 bilhões na cotação atual) –, além de vários outros clubes da Europa, a ideia é criar um novo torneio continental.

Outros bancos devem se juntar ao financiamento do novo projeto, que se tornaria uma das competições anuais de esportes coletivos mais ricas do mundo.

Segundo o canal Sky Sports, pelo menos 12 clubes das grandes ligas do continente (Alemão, Espanhol, Francês, Inglês e Italiano) estão dispostos a se tornarem membros fundadores da competição, com data para começar em 2022.

Vale lembrar que os gigantes ingleses propuseram o projeto à Premier League, mas a FA (Football Association) rechaçou a ideia.

A emissora inglesa trata a nova liga como “bombástica” e “monstruosa”, que reuniria de 16 a 18 clubes para um torneio totalmente patrocinado pela FIFA e que remodelaria completamente o cenário mundial do futebol.

A FIFA está diretamente ligada ao projeto da competição, que deve ser disputada paralelamente às ligas nacionais. A ideia é que seja o torneio mais bem pago da Europa e que a fase final seja disputada em fase eliminatória. O plano é que o o prêmio seja de “centenas de milhões de libras”.

LEIA MAIS: CR7 no PSG? Juventus prepara oferta de R$2 bi por Mbappé e quer envolver CR7

A ‘Premier League Europeia’ provavelmente contará com 16 ou 18 times – o que significa um provável mínimo de 30 jogos para cada clube, com base em um formato de round-robin em casa e fora numa temporada regular e um breve mata-mata para definir o campeão. – embora isso esteja entre os detalhes sendo finalizado antes de um anúncio formal.

A SkySports revelou quais clubes estariam interessados em participarem da liga. São eles: Arsenal, Chelsea, Manchester City, Tottenham, Real Madrid, Barcelona, Atlético de Madrid, Paris Saint-Germain, Juventus e Bayern de Munique.

Se as discussões forem concluídas com sucesso, a ‘Premier League Europeia’ usurpará efetivamente a competição da Liga dos Campeões da UEFA, que tem sido um esteio do calendário futebolístico do continente por décadas. Não ficou claro se o novo torneio teve o apoio da UEFA, o órgão que governa a Europa, embora alguns especialistas afirmem que não.

Caso haja o apoio da UEFA, é provável que seja revelado como uma versão melhorada da Liga dos Campeões e um exemplo de cooperação sem precedentes entre dois órgãos dirigentes que historicamente se encontram em oposição em questões-chave que afetam a governação global do futebol.

Para fontes ouvidas pela “BBC”, ainda há um longo caminho a percorrer e o negócio pode não acontecer.

LEIA MAIS

MP que concedia direitos a mandantes perde validade

- Advertisment -

Popular

No Fluminense, Martinelli vai para 1ª Libertadores com Europa de olho

Titular absoluto com apenas 19 anos, volante recebe sondagens de clubes da Inglaterra antes do torneio de maior vitrine Em cinco meses, tudo pode mudar....

Anderson Silva reconhece favoritismo de Julio Cesar Chávez Jr. em confronto do dia 19 de junho

Spider exalta oponente, mas vê chance de conseguir nocaute Depois de deixar o Ultimate, Anderson Silva assinou contrato para enfrentar Julio Cesar Chávez Jr. em...

Miami bate Lakers e vence a quinta em seis jogos

Time da Califórnia não é páreo para Butler e Oladipo, que deixa a quadra com lesão no joelho Jogando em casa, o Miami Heat completou...

F1 2021: salário de Hamilton encolhe R$ 57 mi, mas ainda é o maior

Receita do atual campeão cai de R$ 225 milhões, em 2020, para R$ 168 milhões no novo contrato; Vettel também tem redução drástica com...